cmb 1

 

Na manhã desta sexta-feira (24), o diretor de Saúde Suplementar, Wilson Ascencio, o diretor-geral da CMB, Mário César Homsi Bernardes, e a diretora administrativa e assessora jurídica, Monaliza Santos, se reuniram para discutir as pautas sobre a Rede CMB Saúde Suplementar junto aos representantes das operadoras que aderiram a Rede.

Na reunião, foram tratadas a pauta da Saúde Suplementar e os assuntos pendentes da Rede CMB Saúde Suplementar. Dentre eles, o PL7419/06 que trata das regras contratuais dos planos de saúde e o PL153/17 que trata da venda obrigatória de planos de saúde individuais, ambas seguem em tramitação na Câmara dos Deputados.

Dúvidas e pendências que surgiram por parte dos hospitais rede CMB Saúde Suplementar foram esclarecidas. Junto à Techtools, os diretores solucionaram as questões relacionadas à LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) e a pauta sobre a garantia de autorização posterior dos planos sem cobertura para exames de alta complexidade, além de ser colocada em votação a retirada do item 6.2.1 do Regulamento. Aprovado por unanimidade, o item refere-se ao ‘Boletim de atendimento assinado pelo paciente ou responsável, contendo todos os dados do paciente, acompanhado de cópia do documento de identificação do beneficiário’.

Faça login em sua conta