cmb coronavirus

 

O Brasil tem treze casos confirmados de coronavírus (Covid-19) e outros 768 suspeitos que são monitorados pelo Ministério da Saúde. A doença tem sido tema de diversos debates entre as entidades e as autoridades de saúde, que tentam conter o pânico da população em relação ao contágio.

Diante desta situação, o Ministério da Saúde apresentou às entidades representativas da saúde, na terça-feira, dia 03/03, um fluxograma com informações e ações que tem o objetivo de combater as fake news e aplicar um único protocolo de atendimento para consolidação dos dados de Covid-19.

Com o fluxograma, composto por perguntas e respostas, as unidades de pronto atendimento e as unidades hospitalares não definidas como referência irão identificar de maneira precoce o vírus, tratando-o com mais facilidade.

A CMB orienta que todas as Federações enviem aos seus hospitais associados este material a fim de contribuir com a estratégia do Ministério da Saúde e auxiliar o trabalho dos profissionais de saúde.É importante lembrar aos pacientes que todos os casos de contágios de Covid-19 são de transmissão importada, de pessoas que estiveram em áreas endêmicas onde o vírus já circula.

Na sexta-feira, dia 28/02, o Ministério da Saúde divulgou vídeos de prevenção da doença, com dicas sobre formas de contágio e orientações como etiquetas de higiene ao tossir e espirrar. As Federações também podem compartilhar em suas mídias sociais este material.

Para download do fluxograma, clique aqui.

Para download das peças de divulgação, clique aqui.

 

Reunião

As ações acerca do combate do Coronavírus e das fake news sobre o tema foram definidas em reunião, realizada no dia 3 de março, na Esplanada dos Ministérios, na qual estiveram presentes autoridades governamentais e entidades de saúde.

O Secretário de Atenção Especializada à Saúde, Francisco de Assis Figueiredo e os representantes da Força Nacional do Sistema Único de Saúde (FN-SUS), Paula Maria Raia Eliazar e Pamela Moreira Costa Diana estiveram no encontro, além de outros membros do Ministério da Saúde.

Das entidades presentes, além da CMB – Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais  e Entidades Filantrópicas, representada pela Diretora Administrativa e Assessora Jurídica, Monaliza Costa Santos, participaram da reunião a ANAHP – Associação Nacional de Hospitais Privados, a FBH – Federação Brasileira de Hospitais, a EBSERH – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares e a ANS – Agência Nacional de Saúde Suplementar.

envelope 
Assine o nosso informativo eletrônico:

Nome:   E-mail:   Empresa:   

Faça login em sua conta