A abertura oficial do XVIII Congresso Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos reuniu mais de 500 pessoas, ontem à noite, no Clube do Exército, em Brasília. Autoridades, congressistas e convidados foram agraciados com o compromisso do ministro da Saúde, José Gomes Temporão, em lutar por melhorias para o segmento.

"Precisamos pesquisar sobre os impactos das políticas na saúde. Mais que isso, é essencial manter contato com os secretários de Saúde e secretários de Fazenda para que os investimentos aconteçam e que as novas tecnologias façam parte da realidade dos hospitais. Afinal, sem nós não haveria o SUS", afirmou o ministro.

Na oportunidade, o vice-presidente do Tribunal Regional Federal, Desembargador Federal Antonio Ezequiel da Silva, compareceu à solenidade e parabenizou a CMB pela sua importância para a saúde no país. "É muito importante que se discuta a situação da saúde no Brasil com pessoas que são fundamentais para a manutenção do atendimento à população".

O XVIII Congresso Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos acontece até amanhã, no Hotel Nacional, em Brasília. O tema central do evento é a "Saúde e a Constituição: 20 anos em Reflexão". Cerca de 470 diretores de hospitais, médicos, consultores e representantes dos poderes legislativo, executivo e judiciário, abordarão temas como o (des) financiamento da saúde pública, a crise iminente no setor, o caso da instituição pública Santa Casa de Belém e as intervenções estatais em hospitais filantrópicos.

Calendário

Dez 2020
Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2

Faça login em sua conta