A Comissão de Defesa do Consumidor cancelou a audiência pública que realizaria nesta terça-feira (15) para discutir os reajustes abusivos dos planos de saúde. O debate foi solicitado pelos deputados José Stédile (PSB-RS), Celso Russomano (PRB-SP), Eduardo da Fonte (PP-PE) e JHC (PSB-AL).

Além dos aumentos, que fizeram muitas pessoas saírem dos planos de saúde, os parlamentares querem discutir o anúncio da Agência Nacional de Saúde (ANS) de impor determinado número de exames e consultas que o consumidor teria direito de realizar por ano, e o sistema de franquia anunciado pela ANS para custos desnecessários e baratear convênios.

A comissão ainda não marcou nova data para o debate.

Fonte: Agência Câmara de Notícias