O número de beneficiários de planos de saúde em São Paulo teve leve alta no primeiro trimestre, segundo a ANS (Agência de Saúde Complementar). Quase 70 mil pessoas passaram a ter alguma cobertura de saúde privada no período.

Só em março, o crescimento foi de aproximadamente 57 mil vidas, na comparação com o mês anterior.

Cerca de 17,31 milhões de pessoas tem algum tipo de cobertura privada atualmente no estado. O número é similar ao registrado em fevereiro do ano passado.

Apesar de classificar essa alta como discreta, a ANS vê uma tendência para os próximos meses no estado, que chegou ter nove meses de queda consecutiva entre abril de 2016 e janeiro de 2017.

O dado paulista influenciou o resultado nacional, também de acordo com dados da agência reguladora.

O Brasil teve 122 mil novos beneficiários entre dezembro de 2017 e março deste ano. Ao todo, foram 47,43 milhões de pessoas assistidas no país em março.

Na comparação entre março deste ano e o mesmo período do ano passado, a alta é de 128 mil pacientes. Nessa relação, 17 estados registraram alguma alta.

Depois de São Paulo, Minas Gerais, Ceará e Paraná foram os estados que tiveram os melhores resultados em números absolutos.

Fonte: Folha de S.Paulo - Maria Cristina  Frias